12 informações relevantes para o seu portfolio

Seu portfolio é um dos principais assets à sua disposição para alcançar seus objetivos profissionais. Conheça 12 informações relevantes para seu portfolio.

Ir para o artigo

Nem todo job hunter precisa de um portfolio, mas há certas carreiras em que os portfolios são mais úteis do que apenas um currículo para mostrar suas habilidades e experiência. Isto é especialmente verdadeiro para carreiras como arte, design, fotografia e Web.

Indivíduos nesses empregos geralmente têm seu próprio “estilo” e uma coleção de trabalhos anteriores ajudará interessados e empregadores a avaliar se esse “estilo” atende a suas necessidades.

12 informações relevantes para o seu portfolio: mulher vestindo roxo sentada na cadeira enquanto segura telefone.

Não se preocupe: seu portfólio Web não precisa ser como um portal gigantesco; até mesmo um site one page pode transmitir sua mensagem com eficiência, se bem feitinho.

Se você trabalha com Web, deve prestar bastante atenção a essas 12 informações relevantes para o seu portfolio. Para obter melhores resultados, mantenha cada uma delas relevante para o trabalho específico que você está procurando.

Informações de contato fáceis de achar

Quando o assunto são informações relevantes para o seu portfolio, primeiramente, vamos tratar sobre o fato de você disponibilizar suas informações de contato, porque se as pessoas não conseguem entrar em contato com você… Qual é o sentido?

Tratando a questão bem objetivamente, não é obrigatório fornecer um número de telefone; se você é como muitas pessoas, prefere manter seu número de pessoal fora da Web, onde qualquer pessoa pode encontrá-lo.

Mas você deve prover alguma maneira de entrarem em contato, como um endereço de e-mail, formulário etc.

Sobre/Bio

É muito importante ter uma seção Sobre/Bio no seu portfolio, mas não exagere em cada pequeno detalhe. Inclua destaques relevantes. E não se esqueça de incluir sua personalidade.

Outros podem ter suas habilidades, experiência e formação, mas seus hobbies, maneiras, como se comunica e peculiaridades de personalidade são o que fazem de você, você!

Como temos falado sempre quando comentamos sobre portfolios, isso pode ajudá-lo a se destacar dos demais, além de torná-lo mais agradável. Pessoas agradáveis têm mais facilidade de serem contratadas.

E temos mais algumas dicas para página Sobre do portfolio:

Experiência (relevante)

Como informação relevante no portfolio, apresente alguns projetos nos quais você trabalhou, com o cuidado de serem relacionados do tipo de projeto em que gostaria de trabalhar novamente.

Por exemplo, talvez você já tenha tido alguma experiência com marketing digital, no entanto, agora você deseja conseguir um emprego como desenvolvedor Ruby on Rails. Então, você deve dar ênfase a projetos e experiências de trabalho relacionados a Ruby on Rails. Caso contrário, podem assumir que você ainda está interessado em trabalhar com marketing.

Contexto

Um empregador ou cliente em potencial, que esteja visualizando seu portfolio, não poderá tirar muitas conclusões com apenas o nome de um cargo.

Proveja contexto, considerando incluir:

  • Projeto/descrição do trabalho
  • Quando (datas)
  • Capturas de tela/URLs/amostras de código relevantes

Contexto é especialmente importante para quem deseja fazer mais trabalhos freelance/consultoria. Se esse for o seu caso, considere fazer simulações de tela “antes e depois” para demonstrar como você melhorou o projeto.

Habilidades (relevantes)

Não dê uma de doido! Inclua apenas suas habilidades mais fortes e que serão úteis no tipo de trabalho/emprego que você está procurando.

Exemplo: se você estiver procurando trabalho de desenvolvimento back end, provavelmente poderá deixar de lado seus conhecimentos em Photoshop. Em vez disso, enfatize as habilidades relacionadas relevantes a back end.

E não precisa nem falar para nunca colocar uma habilidade que você realmente não possui…

Projetos pessoais

Se você está começando e não tem muita experiência “real” a acrescentar, essa é uma ótima maneira de proceder e contornar sua atual situação.

Aqui estão algumas ideias:

  • Um blog
  • Um jogo HTML5
  • Um quizz
  • Um site para um amigo ou membro da família

Claro, sempre contextualizado ao que você procura. Se quiser programar, faça o código; se almeja UI, faça as interfaces e; assim por diante.

Lembrando que há muito mais ideias que vão ajudar você a montar seu portfolio sem ter clientes.

Código-fonte documentado

Novamente, é tudo sobre o contexto no site do seu portfólio… E fora dele.

Se você estiver incluindo links para seus repositórios no Github, certifique-se de fornecer contexto/documentação para que as pessoas não precisem se esforçar para entender do que se trata.

Você pode fazer isso no arquivo README. Explique o que é o projeto e como usá-lo. Isso não é útil apenas para empregadores, mas também para quem deseja usar o que você criou!

Ah, e se você é programador, não cometa este erro imperdoável no seu portfolio:

Formação

Quando pensam em informações relevantes para colocar no portfolio, muitos pensam que se trata somente de listar sua formação. Mas, como você já percebeu, um portfolio vai muito além.

Inclua sua formação e certificados se forem relevantes para a área e trabalhos que você deseja atuar.

Por exemplo, se você é formado em Ciência da Computação ou algo relacionado, isso definitivamente é algo que você deve incluir. Mas se você estudou algo completamente irrelevante na faculdade (como História), definitivamente, você pode deixar isso de fora.

12 informações relevantes para o seu portfolio: mulher trabalhando em mesa com diversos livros, caderno e notebook.

Além da faculdade, se você concluiu um curso intensivo, obteve um certificado relacionado a sua área na Web ou fez cursos individuais (incluindo cursos on-line), pode ser bom listá-los.

Mídias sociais (relevantes)

Novamente a palavrinha “relevante”. Já deu para entender que a relevância e contexto do quê você apresenta são bastante importantes, certo?

Por exemplos, para desenvolvedores, existem 2 redes de mídia social que são basicamente não-negociáveis: Github e LinkedIn.

Claro, sinta-se à vontade para colocar seu Twitter, se você tiver um (e estiver relacionado). Também pode não ser uma má ideia vincular seu perfil do Stack Overflow — mas apenas se você for um usuário ativo e tiver uma alta pontuação de reputação.

Adicionar contas relevantes de mídia social é uma maneira de os possíveis empregadores e potencial clientes terem uma ideia melhor sobre sua personalidade e sobre o que você gosta, em informações que vão além da seção Sobre/Bio.

Para mais considerações sobre quais redes sociais colocar no portfolio, assista a este vídeo que preparamos:

Prêmios / Reconhecimento

Você já escreveu para algum blog de tecnologia conhecido? Ganhou hackathons ou competições relacionadas? Algum concurso de web design? Apresentou alguma palestra em grandes conferências?

Esses e quaisquer outros louvores e honrarias especiais certamente podem ser adicionados ao seu portfolio. Eles podem ajudar a diferenciá-lo da concorrência o suficiente para proporcionar uma vantagem extra.

Mas, atenção: provavelmente, é melhor evitar prêmios de “peixe pequeno” como sua nota 9 na aula de informática do ensino médio… Não pareça desesperado.

Sua foto

Quem já acompanha nossos conteúdos sobre portfolio aqui no blog, redes sociais, grupo Telegram ou qualquer outro meio de comunicação, sabe da ênfase que sempre damos em mostrar foto(s) no seu portfolio.

Adicionar sua foto é importante, porque as pessoas confiarão mais em você quando souberem como você é. Uma foto o transforma de uma entidade nebulosa e sem rosto em uma pessoa real e relacionável.

Currículo

Muito e muitos portfolios (especialmente de brasileiros) não proveem uma informação importantíssima: o currículo. Portfolio e currículo, ao contrário do que possa parecer para muitos, não são mutuamente excludentes, mas complementares.

Esta é uma informação especialmente importante para aqueles cujo objetivo com o portfolio é conseguir um emprego ou vaga específica. Um portfolio bem feito costuma agradar a head hunters e contratadores.

Portanto, disponibilize seu currículo no portfolio. Se não for diretamente em uma página específica, que o disponibilize para download (ou as 2 coisas).

Conclusão

Seu portfolio é muito importante porque fornece um lugar para não apenas listar sua experiência, mas mostra-lá contextualizada, em mais detalhes do que um currículo com loading em barrinhas de skills permitiria…

Seu portfólio é uma das maneiras mais importantes pelas quais empregadores e clientes podem aprender sobre você.

Por fim, lembre-se de que seu portfolio não deve ser permanente! À medida que você ganha experiência, aprende novas habilidades e cria novos projetos, seu portfolio deve crescer com você. Organize-se e comprometa-se consigo mesmo para, periodicamente, revisitar seu portfolio e garantir que ele esteja atualizado.

E-book com 10 dicas para montar seu portfolio altamente eficiente e conseguir muito mais clientes e projetos!

Download GRÁTIS